Cadê, aquele anjo por quem me apaixonei?

Quem é esse? O menino por quem me apaixonei, não é esse não.
Me apaixonei por um anjo doce, com olhar de amor. Passava o dia grudado e nunca enjoava … Era conversa boa … Era o meu brilho nos olhos de todas as manhãs, meu sorriso apaixonado. O meu anjo fazia o bem, ele tinha o bem dentro dele. Carinho, beijinho, filme colado. Ele era abraço apertado, cafuné, beijo na testa. Ele amava. Encantava com seu sorriso, que hipnotizava o olhar… Ele protegia, não machucava. Quem é essa pessoa fria, que vejo agora? Me faço essa pergunta a alguns dias. Onde foi parar o meu menino encantador? Para onde ele foi? Onde você escondeu ele?
Não, ele não é essa pessoa gelada, com maldade no olhar. Que tem prazer em machucar … Esse aí, feito de mentira, de vento no coração. Decepção!
Dói, ver que o meu anjo, se tornou assim, tão vilão. Ou que talvez o meu anjo, nunca existiu, foi apenas invenção, de uma mente, coração frio … Eu nunca gostei desse aí não. Me apaixonei, pelo meu menino do olhar de amor. Não por esse rosto de dor, de lagrima, esse olhar tão vazio … Dá até arrepio!

image

Anúncios
Publicado em: amor

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s