Mas você preferiu ser dor …

Mas você foi procurar lá fora, o que tinha aqui dentro … Eu te amei, tanto. Te queria tanto, estar ali contigo, na alegria ou na dor. Meu eterno amor, minha mão junto da tua, a vida inteira …  Mas você preferiu, ir buscar em outros abraços, o que eu tanto tinha para te dar. Em outras bocas, a sua diversão momentânea. E mesmo com tudo que sempre te dei, você preferiu ser dor. Trazer as lágrimas, de um acordar, e lembrar de tudo aquilo … A verdade, é que eu quis tanto te proteger, que acabei esquecendo, de me proteger… Eu me entreguei, te amei com todas as minhas forças. Exatamente por tanto te querer, eu não enxerguei a maldade do teu olhar … Pois bem, não era isso que queria? um passatempo? Então agora você tem. Porque o nosso tempo passou. Quando descobri o teu coração feito de pedra, muito morreu aqui dentro. Pois bem, agora, já não tem mais aquele chata, que ficava no pé, queria conversa o dia inteiro. Mas hoje, quando deitar no travesseiro, se dará conta de que também não tem mais. Aquela, que estava do teu lado, em todos os momentos. Aquele teu cafuné de manhã. Aquela que fazia tanta palhaçada, só para te ver sorrir. Aquela que te cuidava. Aquele olhinho brilhando ao te ver. Aquele abraço apertado, de todos os dias. Aquele amor verdadeiro, que ela sentia …

image

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s