Quando eu descobri que meios que meio desandam a nossa vida, não são tão importantes assim …

O tanto que quis aquele amor. O tanto que me dediquei, que esqueci de mim, para lutar por ele … Perdi as contas de quantas vezes caí, e mesmo sem forças levantei, por ele … Aquilo estava me torturando cada dia mais, ficar lembrando, tentando e batendo a cara na parede tantas vezes, estava me machucando por completa … Então, um dia acordei tão cansada de tudo aquilo,finalmente entendi que tinha que aceitar que não tinha mais volta. Não podia continuar ali, parar a minha própria vida, por alguém que não queria fazer mais parte dela. Então, com muita dor no peito, eu fui embora. Desculpe meu amor, não posso mais continuar aqui.
Não foi fácil, não sou feita de pedra. Nunca fui dessas pessoas que esquecem assim em um piscar de olhos. Mas, a cada dia, a cada manhã que acordava e a triste notícia de não lhe ter me tomava como uma onda forte me afogando, ficava uma meia hora deitada, me lembrando de tudo que me fez desistir daquele amor. Que também não tinha nada de errado em ainda sentir, pois quem tem sentimento no coração, sofre sim. Esse é o normal, pelo o menos o meu normal, eu sempre fui a boba apaixonada, que sonhou com uma história de amor, enquanto para ele, eu era uma diversão no meio da tarde …
Entendi que não tive culpa, se ele não foi capaz de me dar amor, ou pior,usar esse amor como gato e sapato, brinquedo de sua diversão. Eu não fui a culpada. Não era eu quem tinha que mudar ali …
Então eu prendia o cabelo, e ia lutar por mim .. Foi quando eu finalmente me afastei de tudo aquilo, que as coisas começaram a dar certo. Quando eu fiquei livre para me encantar outra vez, descobri tantas coisas, tantas cores novas que nunca me deixei conhecer por estar sempre insistindo no preto e branco daquele amor … Conheci tantos outros amores, alguns fora, outros dentro de mim mesma. Outros abraços, outros sorrisos … Mas a verdade é que só quando eu finalmente entendi a importância do meu sorriso, é que passei a receber o amor que tanto queria …
Então um um dia, desses quando a gente finalmente já superou. Ele aparece, assim do nada, dizendo que pensou melhor, que na verdade nunca esqueceu, só estava confuso …
Então eu descobri, que já não queria mais aquele amor tanto assim. A verdade é que, esse tempo que passei sem ele, me fez entender que a vida inteira, é muito mais gostosa. Que meios que meio desandam a nossa vida. Não devem ficar.
Quando eu finalmente resolvi deixar ele de lado, e ir viver a minha vida. Descobri que ele não tinha tanta importância assim …

image

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s