Eu ainda tenho nosso amor dentro de mim …

Desculpe meu amor, eu não consigo esconder o que sinto. A algum tempo atrás você era meu sonho de uma vida inteira. Eu me apaixonei por você. Eu sou humana. Eu sinto. E quando sinto e de verdade, não como essas pessoas que amam em rasas quantidades. O amor invade todo o meu corpo, cada pedacinho. E depois para tirar assim de repente, não é fácil. Precisa de muito tempo até convencer cada parte do meu corpo e principalmente o coração de que você não está mais aqui. Desculpe, eu sou feita de amor, não de ferro. Não vou de demonstrar frieza porque não tenho ela dentro de mim. Não vou mostrar indiferença porque ainda sei direitinho quando são os teus passos caminhando lá atrás Não posso te mostrar o que eu não tenho. Eu tenho amor aqui dentro, não posso te mostrar nada além disso. Eu sei que não era mais para ele tá aqui. Mas por enquanto ele ainda está. Não posso amarrotar, esmagar dentro da mala. Ele ainda está aqui. O que sinto deixo guardado em algum lugar do coração até que vá embora, porque uma hora vai, eu só preciso ter paciência para esperar. Porque te arrancar de uma vez eu não consigo. Aliás, ninguém consegue. Ninguém tem o poder de arrancar outro alguém do coração quando lhe dá na telha …
Por isso não peça para que eu diga que não faz diferença nenhuma na minha vida, porque você faz, uma diferença enorme, do tamanho do mundo. A alguns meses você era o meu mundo. Você fazia parte dele. Era o meu Bom dia que me arrancava um sorriso de manhã e as tuas palavras que me faziam transbordar todos os dias de amor por ti. As vezes eu nem sabia como cabia tanto amor aqui dentro. Eu só queria te olhar, te ver me amar. Sentir teu toque, teu cheiro, te ver mexendo no cabelo, cê fica tão sexi… Eu adorava, te ver tocar, te ver sonhar comigo. Eu achava que a gente ia casar, ter filhos e um cachorrinho chamado Pingo, a gente queria muito ele, lembra? Daquele Eu Te Amo que eu vi você dizer para mim, com a boca, e com os olhos, que brilhavam o nosso amor. Que saudade, de ver aquele amor no teu olhar. De ver você me desejar, a gente dançar no nosso pequeno espaço de madeira, mas que era o nosso palco. Ali a gente sorria, sonhava, ali a gente se amava e gritava para quem quisesse ouvir … Eu te amo meu amor, eu te amo … Desculpa, eu acabei lembrando de novo né. O nosso amor já passou. Deveria ter passado para mim também, mas nada saiu como o planejado. Mas não se preocupa, uma hora ele vai embora. Só não me peça para que esqueça de tudo que a gente viveu. Só não me peça para que te demonstre falta de amor, eu não posso, eu ainda tenho ele dentro de mim

tumblr_oc2rysrzyi1t9760vo1_500

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s