Amar sozinho cansa

tumblr_p70wefRvvq1wn96zso1_400

” Amar sozinho cansa.”

Amar sozinho cansa. Se esforçar sozinho cansa. Relevar sozinha cansa. Até superar sozinha cansa. Cansa, chega uma hora que vai ficando barra você gastar toda a tua energia e o teu esforço numa coisa e não ter o mesmo retorno, vai dando um desânimo.

Tudo sozinho cansa, sozinho não é saudável. Porque amar sozinho vai sugando cada partezinha da gente e mesmo sem a gente perceber a gente vai ficando fraca, fraca, cê fica muito desanimada e cê não sabe porque, é porque amar sozinho cansa.

Você acha que tem amor por dois, mas não tem, e isso não tá errado, não é pra ter. Porque amor tem que ser a dois, se não não  vai dar certo de qualquer jeito. Amar sozinho cansa, levar porrada cansa. Se colocar todo o dia na linha de tiro e só ganhar dor da pessoa que era pra te proteger dói. Ser maltratada pela pessoa que era pra te fazer se sentir a pessoa mais amada do mundo dói. Fazer tudo por uma pessoa e ver que ela não faz nada por você dói. Amar sozinho cansa.

Amar sozinha vai te deixando com cicatrizes e marcas, que são difíceis de superar.

Anúncios

Eu sei que é difícil, mas se não é vindo de espontânea vontade não vale a pena ter

1

Eu sei que é difícil, eu sei o quanto é doloroso amar demais uma pessoa e não sentir o mesma intensidade dela, aí você fica criando métodos mesmo que disfarçados pra fazer ela te amar da mesma maneira. Eu sei que é difícil, mas se não é vindo de espontânea vontade, não a pena ter.

A coisa mais triste nessa vida é o amor implorado, porque nem que você ganhe o que você tanto pede você vai ser feliz, porque amor implorado dói, amor implorado corrói, mata. Você vai cada vez mais perdendo o amor próprio, a autoestima, você vai se sentindo mal consigo mesma, e ai nem que a pessoa te diga milhares de vezes que te ama, você não vai ficar bem, porque a tua consciência não deixa.

Amor implorado não faz bem pra ninguém. Ficar insistindo num amor que você precisa implorar é se privar de algo que pode ser fundamental e superador pra você. Não há nada melhor do que o amor recíproco. Uma pessoa que te ama de verdade, sem que você precise insistir ou implorar, implorar por amor, por atenção, uma pessoa que te ama de verdade, que te faz bem, que cuida de você, que te paparica, que te valoriza, é reparador, é confortante. Não se priva de receber algo melhor pra ficar insistido num amor que ta na cara que você tá amando, tá tentando, ta relevando, ta se desgastando sozinha, não faz isso contigo mesma. Se liberta pra receber um amor que te ame de  livre e espontânea vontade, é só esse que vale a pena.

Depois

11

Depois a gente perde o encanto, a esperança. Depois a gente cansa, perde a graça, fica exaustivo.  Chega uma hora que a gente já tá tão cansada de esperar o depois e se perguntando se ele vai mesmo vir que perde a vontade.

Depois a gente já não tem mais aquele ânimo sabe, chega uma hora que o depois não existe mais.

Amor não é depois, o amor não é amanhã, o amor não é mais tarde, o amor é agora, quem quer faz agora. Quem quer arranja tempo. Quem quer cuida, quem quer rega pra que o amor cresça.

O amor é agora moreno, e eu tô cansada de esperar o teu depois. Eu tô cansada de esperar você ter um tempo. Eu tô cansada de entender que você não pode agora, que tem um compromisso ou que tá cansado do trabalho. Eu tô cansada de esperar a tua demora pra mandar mensagem, eu tô cansada do teu beijo morno, do teu abraço contido, do teu bom dia xoxo. Eu tô cansada do teu meio termo.

Olha moreno eu tô a muito tempo esperando que tudo isso mude. Eu tô a muito tempo esperando o teu depois. E pra falar a verdade eu tô começando a achar que ele não vem. O nosso amor tá uma merda e você sabe disso. Ou cê tá fingindo que não tá vendo. Mas se pra você as coisas tão boas assim como tão pra mim não estão moreno, eu tô farta disso aqui tudo.

Eu quero explosão moreno, eu quero sentir o coração sair pela boca. Eu quero sorrir tanto que a barriga chega a doer. Eu quero sentir o frio na barriga esperando uma mensagem tua. Eu quero sentir o teu carinho, eu quero sentir que você cuida de mim, e você não tá mais cuidando a muito tempo. E eu também tô perdendo o ânimo de te cuidar já que eu tô fazendo tudo sozinha.

Na boa não tá dando mais moreno, ou tu faz alguma coisa ou quem vai ter que fazer sou eu. Na boa moreno, ou tu faz alguma coisa agora, ou a gente acaba aqui.

Por que assim como o café, o amor também não serve frio.

tumblr_p3l1867U5v1vw1381o1_400

” Por que assim como o café, o amor também não serve frio.” – Patrícia Sales.

Por que ninguém é de ferro e uma hora a gente cansa de fazer tudo sozinha. Por que uma hora de tanto carregar tudo nas costas a gente fica pesada, e não dá mais pra continuar. Por que uma hora de tanto fazer tudo pra agradar e se anular e gente se vê ali no meio de tudo aquilo vazia, em cacos, e sem saber pra onde ir por que não tem força nem pra sair do lugar.

A gente fica ali quebrando a cabeça tentando entender aonde foi que tudo se perdeu, e por que que a gente não consegue resgatar, mesmo que faça tudo todos os dias e sem descanso algum. A gente fica se culpando por que não conseguir levantar a relação, e a gente é muito julgada também por que é ” uma mulher que não segura o marido.”

Mas olha moreno, eu entendi que a gente não segura ninguém não. E que também não é só minha função ” segurar ” uma relação se o outro também não segura. Não adianta eu cuidar se você não cuida. Não adianta eu tentar se você não tenta e ainda faz tudo pra atrapalhar. Não adianta só eu fazer alguma coisa aqui. Até por que ” segurar o marido ” não é minha obrigação se ele não quer segurado. E quer saber? foda – se, eu não ligo mais.

Eu também preciso pensar em mim, e eu tô muito largada ultimamente. Eu também preciso pensar no que eu quero, no que eu desejo, no que eu preciso. E eu preciso de alguém que me dê muito mais do que você me dá. Eu quero alguém que responda ao que eu faço por nós dois, eu quero alguém que retribua o meu amor. Eu quero alguém que cuide de mim. Eu quero uma relação onde eu me sinta amada.

Chega moreno, peguei as minhas coisas e fiz a minha mala. Deixei as chaves em cima da mesa e você nunca mais vai me ver. Adeus, tô caindo fora.

Por que assim como o café, o amor também não serve frio.

Ninguém perde por dar amor, perde é quem não sabe receber

tumblr_p36qr58njM1s691b5o1_400

Ninguém perde por dar amor não morena, e você nao é culpada por ter se dedicado tanto a essa relação. Você não é culpada por sentir demais ou por sentir a falta dele. Você não é culpada por ter um amor do tamanho do mundo e ele não corresponder. Você não é culpada por fazer tudo pra vocês darem certo, ele não faz por que ele é um idiota.

Você não é culpada por passar a noite toda fazendo planos. Você não é culpada por mandar mensagem carinhosas no meio do dia pra dizer a ele que o sorriso dele não sai da sua cabeça. Você não é culpada por não medir esforços pra agrada – lo. Coloca uma coisa na tua cabeça morena: cê não tem que mudar por ninguém, você é feita de amor, e qualquer um que não saiba valorizar isso não merece estar ao teu lado. 

Não te preocupa, ele que é um babaca que não sabe valorizar a mulher incrível que tem e tudo que cê faz por ele. Ele não te merece. Você merece alguém muito melhor. E não te preocupa, cê não tá perdendo nada, ele que perdeu essa menina maravilhosa que cê é.

Larga esse babaca e cuida de ti mesma, na hora certa, a pessoa certa vai aparecer pra voce.

Nunca esquece disso morena, cê é uma pessoa incrível, e você merece alguém que valorize, alguém que corresponda ao amor que você tem. Você merece alguém que te trate como a princesa que você é. Você merece alguém que te faça sentir todos os dias que cê é a mulher mais feliz do mundo. Não aceite nada a menos que isso.

A carência te faz criar afetos imaginários

tumblr_ov8ms3boaZ1wwqtwqo1_500

Todos os dias eu voltava pra casa, ligava a tv, fazia um café bem quente pra tirar todo o cansaço do tia todo de pé, sentava no sofá e tirava os sapatos, Ah! que alívio! Ele chegava em casa tarde, quando eu já estava deitada pra dormir, me dizia um ” eu te amo ” e virava pro lado.

A minha rotina era exaustiva, cada dia que chegava ao final parecia que tinha passado um furacão por mim e me deixado toda errada. Eu ia dormir acabada. Nos meus dias de folga a gente gostava de ir pra praça e tomar um chimarrão. Ele contava piadas e a gente ria bastante contando um pro outro as nossas histórias de quando não nos conhecíamos e como foi tudo por acaso, histórias de quando criança. A gente ficava lá vendo o movimentos e os menininhos que jogavam volei no canto. As vezes a gente até pegava um bola de volei que a gente tinha em casa e ia jogar também.

Quando tinha um tempo livre em casa, eu não fazia nada, ficava o dia inteiro de pernas pro ar descansando tudo que eu tinha trabalhado na semana. Mas mesmo assim eu tava sempre cansada . . . 

Se você leu até agora deve achar que o meu relacionamento era maravilhoso não é!? pois é, mas não era. A gente conversava sim, muito, mas quando mais a gente conversava mais parecia que ele não me ouvia. A gente conversava sobre todas roupas bonitas que ele queria comprar e todas as marcas de sorvete possíveis, mas o que eu queria realmente falar pra ele, ele não escutava, desviava o assunto pra todos os outros possíveis, e fingia que tava tudo bem. Tudo que eu fazia era implorar a atenção dele, e ele notava todas as meninas bonitas que passavam na rua, mas a mulher que tava do lado dele, ficava de lado. A muito tempo que eu não sabia mais o que era ficar feliz por que ele tava em casa. Chegar e se sentir confortável, confiante. Sentir paz naquele abraço e o coração transbordando de amor. A muito tempo eu eu não sabia mais o que era amor. Embora eu tivesse uma pessoa do meu lado. Todos os dias me passava na cabeça o nosso começo, todos os momentos bons e como ele era atencioso, romântico. O olhava todos os dias e me perguntava onde aquele cara tinha se perdido. Nada mais era como antes. Ele não era mais o meu melhor amigo, os meu coração transbordando, era rotina, ele era só mais uma pessoa ali.

A gente não conversava direito, e sempre que eu tentava falar alguma coisa ele dizia que a culpa era minha, que eu não entendia ele, que ele tava cansado. Ele me dava todas as desculpa do mundo pra fazer o que fazia. Colocava toda a responsabilidade dos meus ombros e fazia eu me sentir como se fosse um nada, a culpada, o motivo do estresse dele, que eu não era bem resolvida comigo mesma. Veja só, eu queria um pouco de atenção e tudo isso virou em eu não ser resolvida comigo mesma. Não importa o que eu fazia, ele sempre dizia que eu tava pedindo demais, como se não tivesse direito de fazer aquilo, que eu era carente demais sei lá, era tudo eu, era sempre tudo culpa minha. E ele ficava lá, parado como se nada tivesse acontecendo. Me fazia me sentir uma boba por querer a atenção. Sim, todos os dias quando ia dormir ele me dava um beijo e dizia que me amava, que amor é esse que não me fazia me sentir amada? ele dizia tanto que me amava, mas não me notava, não se preocupava. Ele dizia tanto que me amava  mas me humilhava, desdenhava de mim e de tudo que eu queria.  Dos meus sonhos. Dos meus planos. Ele dizia que me amava mas desdenhava de tudo que eu fazia. Como se já tivesse me dando o suficiente e eu era a errada por querer mais.

Ele costumava dizer muito que me amava, e pra quem via de fora, parecia mesmo que a culpada era eu e que não valorizava o amor que ele tinha por mim. Mas só eu sabia como era a vida real, e na vida real não era tanto amor assim. Ele costumava dizer muito que me amava mas me fazia me sentir um lixo, vazia, exausta, eu sentia todas as emoções possíveis naquele relacionamento, menos que eu era amada.

Apesar de tudo aquilo era muito apaixonada por ele. Não estaria mais ali se não fosse. E por ser muito apaixonada eu procurava amor em qualquer coisa que eu pudesse achar. Eu queria achar. Eu não queria que o nosso amor lindo tivesse acabado então eu procurava exaustivamente algum tipo de amor. Até mesmo naquele ” eu te amo ” que ele dizia antes de dormir. Ele chegava com flores lindas e eu dizia pra mim mesma que tudo tinha volta ao normal. Ele me dava um beijo acalorado e eu esquecia tudo que ele tinha feito no dia anterior. Eu ficava dizendo pra mim mesma que eu precisava entender mais, que talvez não fosse tanto, que ele era carinhoso comigo. Que eu tinha que lutar mais  Mas na verdade eu tava lutando sozinha, talvez por isso não tinha mais força pra achar que tava tudo bem. — Ele puxava a cadeira pra mim sentar e eu via amor naquilo ali. Era a única coisa que eu tinha . . . e na verdade eu acho que ele fazia pra isso mesmo. Pra me dar umas migalhas pra eu não pensar que ele já não tava nem aí pra mim mesmo. A carência te faz criar afetos imaginários. 

As vezes o amor está ali do seu lado, mas você tá cego demais pra perceber isso …

7

As vezes o seu amor está ali do teu lado, mas você tá cego demais pra perceber isso. Sabe aquela chata que manda mensagem de bom dia todo o dia? aquela que tá sempre perguntando o que fez ontem e se aconteceu alguma coisa. Aquela que te xinga se você faz merda mesmo que não tenha nada a ver com a sua vida. Aquela  chora  quando você vai embora mesmo que não tenha nenhum compromisso com ela. Aquela que não importa o quanto você a machuque ela sempre esquece, e ela sempre tá sempre ali pra te cuidar quando você precisa. Sabe aquela menina que tá sempre fazendo palhaçada pra te fazer rir ( por que ela ama o teu sorriso) … As vezes o amor da tua vida tá ali do teu lado, mas você não percebe. As vezes ela tá ali do teu lado chorando a cada noitada cheia de meninas. As vezes ela tá ali se machucando toda vez que inventa uma desculpa qualquer pra sair da sala e você finge que não a viu e desvia o olhar e o caminho. As vezes ela tá ali esperando pra que em algum instante o mundo gire e você se dê conta de que quem tá ali do teu lado e quem te ama de verdade acima de tudo é ela … Cara, não deixa essa passar. Não deixa ela ir embora de novo. Não deixa ela se cansar de bater a cara na parede o tempo todo e querer te arrancar do coração dela. Não deixa ela ir embora pra perceber que era ela quem você queria que ficasse …