Eu não sei onde foi parar aquele menino que eu gostava de conversar 

Tu tá me machucando muito moreno, tu não tem noção do quanto. Aliás, eu acho que até tem, e se diverte com isso, é engraçado pra você, e é isso que me assusta. Me assusta como pra você é tão natural fingir que a gente nunca existiu e que eu nunca fui a mulher da tua vida.  Me entristece. De verdade moreno, me entristece por que eu não sei mais quem você é. Não e aquele meu anjo que eu conheci, não, o meu menino não, o meu menino lindo que eu gostava de conversar, não, não é ele não. Você pode fazer, ou dizer o que quiser, você pode se gabar pros seus amigos que tá me fazendo sofrer e me ignorando, mas eu nunca te dei motivo pra isso. Eu não vou dizer que nunca te machuquei por que talvez tenha machucado sem querer, mas eu nunca fiz nada pra você ter motivo pra fazer isso, eu só te cuidei, eu dei tudo que eu pude, eu dei tudo de mim, eu apostei tudo em nós, eu fiz tudo pra te fazer feliz. E você pode falar, dizer o que quiser, mas me entristece, me machuca de verdade, ver que aquele meu menino lindo que eu gostava de conversar não existe mais em você. Dói, me machuca muito por que eu não sou de ferro, eu sinto, eu me entreguei pra nós dois, talvez mais do que você. Dói, dói por que você não tem nenhuma consideração por todo o tempo que passamos juntos. Por que mais que na tua casa, na tua cama, eu tava do teu lado, nos teus sonhos, nos teus planos, era eu que tava lá torcendo por ti. Quando tu chorava por que não aguentava mais e queria desistir de tudo, era eu que tava do teu lado te abraçando e protegendo do mundo. Quando você machucou o pé na luta, era eu que tava ali botando o curativo. Era eu que tava sempre cuidando pra você não exagerar nos exercícios, pra não prejudicar a tua saúde. Era eu que enchia o saco quando cê inventava de se entupir de remédio gripado, eu tava lá te enchendo o saco por que eu te amava, eu só queria o teu bem. E agora você não lembra de mais nada, é como se eu nunca tivesse existido, isso me machuca muito. Você não tem consideração nenhuma por todo nosso amor e tudo que a gente viveu. Você age como se eu tivesse feito uma coisa muito grave pra você quando tudo que eu fiz  foi amar você. Você pode fazer, e dizer o que quiser e achar que tá me machucando, e tá, mas tá por que eu não to te conhecendo mais. Eu não sei onde foi parar aquele menino lindo que eu gostava de conversar …


Eu não servia pra ele

Eu não servia pra ele. E durante um tempo, eu achei que isso era culpa minha… Eu não servia pra ele. Tudo que eu fazia era ruim, era feio pra ele. O minha bagunça, minha desorganização. O meu jeito quando como um sorvete e lambuzo toda a minha cara feito uma criança. Tudo era feio, era ruim. Os meus defeitos nunca serviram pra ele, ele gostava só das qualidades. Eu não servia pra ele. Por que depois de um tempo quando o fogo dos primeiros dias passou e ele viu que eu não era um paraíso e perfeição, ele foi embora. No primeiro obstáculo, ele foi embora … E durante um tempo, eu entrei numas nóias e comecei a achar que não era boa o suficiente pra ele. Que não tinha cuidado do nosso amor e nem dele. Eu achava que se eu tentasse um pouco mais eu ia conseguir. E assim eu segui batendo a cabeça na parede por meses … Eu não servia pra ele. E eu achava que isso era culpa minha … Eu não servia pra ele, por que tinha outra pessoa no meu caminho… e pra essa sim, eu servia. E eu não precisei mudar nada, nem meu jeito, nem minha cara inchada quando acordo de manhã. Eu não precisei me livrar das minhas manias nojentinhas e nem ficar me cuidando em tudo que faço. Eu não tinha medo de fazer o que eu quisesse e nem de ser eu mesma. Eu não tinha medo de errar, de cair ou me machucar. Eu não tinha medo de nada, por que eu sabia que ele me aceitava do jeitinho que eu era … Era amor, era amor de verdade. Ele me ama. E eu não precisei me esconder, nem me privar. O que era defeito antes, pra ele era mais uma mania bonitinha minha… era amor, era amor de verdade. E quando é amor de verdade, nada mais importa. Quando é amor, a gente aceita e até ama os defeitos da pessoa, quando a gente ama, não é qualquer coisinha que desaba não. Quando a gente ama, a gente conserta, quando é amor, não importa o que aconteça, a gente fica … 

As vezes o amor está ali do seu lado, mas você tá cego demais pra perceber isso …

7

As vezes o seu amor está ali do teu lado, mas você tá cego demais pra perceber isso. Sabe aquela chata que manda mensagem de bom dia todo o dia? aquela que tá sempre perguntando o que fez ontem e se aconteceu alguma coisa. Aquela que te xinga se você faz merda mesmo que não tenha nada a ver com a sua vida. Aquela  chora  quando você vai embora mesmo que não tenha nenhum compromisso com ela. Aquela que não importa o quanto você a machuque ela sempre esquece, e ela sempre tá sempre ali pra te cuidar quando você precisa. Sabe aquela menina que tá sempre fazendo palhaçada pra te fazer rir ( por que ela ama o teu sorriso) … As vezes o amor da tua vida tá ali do teu lado, mas você não percebe. As vezes ela tá ali do teu lado chorando a cada noitada cheia de meninas. As vezes ela tá ali se machucando toda vez que inventa uma desculpa qualquer pra sair da sala e você finge que não a viu e desvia o olhar e o caminho. As vezes ela tá ali esperando pra que em algum instante o mundo gire e você se dê conta de que quem tá ali do teu lado e quem te ama de verdade acima de tudo é ela … Cara, não deixa essa passar. Não deixa ela ir embora de novo. Não deixa ela se cansar de bater a cara na parede o tempo todo e querer te arrancar do coração dela. Não deixa ela ir embora pra perceber que era ela quem você queria que ficasse …

Quando o esforço é só de um lado, não dá certo.

4

Quando você manda mensagem de bom dia todo o dia, e ele tá online mas não visualiza e depois te manda uma mensagem curta e grossa que te desce como cacos de vidro, não dá certo. Quando você prepara aquele café da manha com aquela torradinha especial que você só encontra no mercado do outro lado da cidade, com uma xícara de café bem forte, ele olha, come sem dizer um ai e depois solta um obrigado seco e vai embora, não dá certo. Quando você aluga o filme preferido dele e faz pipoca com manteiga e no meio do filme ele arranja uma desculpa de que precisa dormir  sai da sala te deixando ali a ver navios e com todas aquelas expectativas não mão, não tá dando certo. Quando você tá com as costas todas calejadas de segurar aquele amor sozinha e aquilo já tá pesando tanto que só te dá vontade de chorar todas as noites, aquele amor já pediu pra sair … Acontece que não dá minha pequena, não dá mais. Eu sei que você acha e sente que tem amor por dois e que pode sustentar por mais um tempo até tudo voltar ao normal mas não, pequena, não dá mais. Por que quando o esforço é de só um lado, não dá certo. Por que quando só um cuida. Só um ama. Só um se importa, não rola, não tem mais o que fazer. Não dá mais. Não dá mais, por que você não merece, você não merece sofrer desse jeito. Você não merece passar por isso. Você merece alguém que te ama de verdade e que valoriza todo e qualquer amor que você tem pra dar. Alguém que te faça transbordar. Alguém que te faça acordar sorrindo e dormir tarde por que tava falando com ele … Eu sei, sei que parece que se aguentar mais um pouco vai dar, mas não vai. E o mais importante. Você não tem que fazer isso. Você merece um cara que faça por merecer cada parte do teu corpo. Você merece um cara de verdade. 

Dessa vez você foi longe demais moreno…

essa

Dessa vez você foi longe demais moreno. Você deixou que eu chorasse e gritasse por todas as cantos da casa. Deixou que eu rasgasse todas as nossas fotos num ataque de raiva por que você nem ligava mais pras minhas mensagens nem pra nós dois. Você foi dar uma pausa na gente e provar novas bocas lá fora pra depois perceber que era a minha que você queria. Você jogou fora meses de sorrisos, dos nossos olhares brilhando um pro outro, das nossas noites fazendo barulho a noite toda. Você jogou todos os planos que de uma vida que planejávamos juntos por um momento. Nossas séries agarrados rindo pra caramba, nossas danças malucas no meio da sala, era um mais maluco que o outro, e era por isso que e gente se dava tão bem … Você jogou meses de cumplicidade, de carinho, de amizade, você jogou meses do nosso amor até então “eterno ” por um simples instante. Você deixou que eu fosse pra casa dilacerada por todos os cantos do meu corpo com vontade de me atirar na frente do primeiro carro que passasse pra acabar com toda aquela dor. Você deixou que eu abrisse meus olhos todas as manhãs e sentisse aquela chuva de granizo, aquela onda devastadora que vem te dando a noticia de que nada mais é como antes, te da uma dor que parece que vai ter um trosso e te faz querer voltar a dormir por um bom tempo. Você me fez não ter vontade mais pra nada, a única coisa que eu queria era ficar ali naquele cubículo deitada, olhando pro teto sem pensar em nada ( ou tudo ) me protegendo do mundo la fora. Você fez eu enterrar o meu amor o próprio e me sentir um lixo por te deixar ali mesmo sabendo de tudo. Eu acabei comigo mesma,  me culpei até o último minuto e vesti a roupa de carrasca e me senti mais mal do que eu já tava.  Você deixou que a minha vida se desmanchasse e enquanto isso tava nas festas por ai cantando mil e uma garotas diferentes matando a saudade das ” variedades ” . Acho que deve ter sentido aliviado , não tinha ninguém mais pra pegar no teu pé com ciúmes, pra dar satisfação da hora que chegou em casa ou daquele nome estranho no celular. Você deu um tempo de nós dois pra dar uma curtida por ai e agora volta como se nada tivesse acontecido. É pois é, mas aconteceu. Muita coisa aconteceu comigo nesse meio tempo e você não tava nem ai pra se eu estava bem ou não, com sono ou fome, se estava cansada ou tão disposta a correr uma maratona. Muitas coisas aconteceram e você não tava nem ai pra mais nada a não ser a tua diversão. O problema é que eu não sou um dos brinquedinhos da sua coleção. Você não pode me tocar fora e depois voltar assim. Você não pode brincar comigo desse jeito. Dessa vez você foi longe demais moreno, você me deu muito tempo sozinha, e em uma dessas horas eu pensei em mim mesma e comecei a me amar. Você não teve mais tempo pra mim e agora, eu não tenho mais pra você. Dessa vez você foi longe demais moreno. Você deixou que acabasse com a minha vida por você, mas eu reconstruí ela, e agora, eu não vou deixar mais você chegar pra acabar com tudo de novo.

Você deixou que eu chorasse a noite inteira …

1

Até quando isso vai continuar? até quando vai deixar eu passar a noite inteira chorando pra depois aparecer do nada me dizendo que nada mudou? o que acha que eu sou? eu fiz tudo por você e você não pensou duas vezes antes de tocar toda a nossa história e tudo que vivemos fora. Eu não sou um brinquedo moreno. Você não pode me mandar embora pra dar uma aliviada, curtir algumas noites sozinho e depois voltar como se nada tivesse acontecido. Eu não sou um brinquedo, eu sou um ser humano. Você nem pensou em mim quando fez aquilo. Eu te perguntei milhares de vezes se era isso mesmo que você queria. Eu te perguntei milhares de vezes se não dava pra consertar o nosso amor. Se tinha que acabar mesmo tudo assim. Eu te perguntei milhares de vezes, e você nem lutou pela gente, como disse que faria um dia. Lembra, eu disse que o amor é assim, que teria dias que a gente ia brigar muito  e que talvez um não ia querer olhar na cara do outro. E você topou passar esses dias comigo. Você disse que não ia desistir de mim e nem da gente. Mas você desistiu. Você quis assim. Então agora não venha se lamentar nem dizer que me ama. Eu não sou um brinquedo nem diversão. Não é assim que funciona aqui moreno.

Eu sei que pra você não faz sentido, mas eu preciso sentir.

1

leia ouvindo Perfect – Ed Sheeran

Eu sei que pra você não faz sentido. Que do lado de fora parece que eu sou uma trouxa por estar chorando por que ele foi embora. Eu  sei que não deveria me culpar tanto ou ficar pensando em todos os momentos bons ou a nossa rotina na terça – feira. Eu sei que não deveria rever os filmes que a gente costumava ver (por que afinal eu sempre acabo me desmanchando em lágrimas antes mesmo do final do filme.) Eu sei que eu não devia botar aquela playlist de músicas lentas e não devia chorar quando a nossa música toca na rádio. Eu sei que daí de fora parece que eu sou uma idiota e que gosto de sofrer. Mas é que do lado de fora tudo é mais fácil né. A gente não manda no coração não. Eu sei que talvez não seja o certo. Mas eu preciso disso. Eu preciso chorar, eu preciso arrancar toda essa dor de dentro de mim agora. Eu vou ficar lembrando todas as manhãs de como era acordar com o ” bom dia ” dele por um tempo. Eu vou ficar na minha casa lembrando o que eu fazia na casa dele por aquela hora. Por que afinal aquela casa tava sendo a minha ultimamente, eu tava acostumada com aqueles metros quadrados. Durante um tempo eu vou sentir falta, da janta sendo preparada, de a gente conversando e rindo na mesa. Eu vou sentir falta das séries que a gente via juntos bem agarradinhos. Eu vou sentir falta de chegar cansada em casa do trabalho e ansiosa pra contar como foi o meu dia pra ele. Eu vou sentir falta do abraço dele me confortando quando eu chorava e achava que não ia conseguir. Eu vou sentir falta até das nossas horas estudando matemática, eu sempre odiei matemática, mas com ele tudo era bom. Eu vou sentir falta. Durante um tempo eu vou ficar com essa saudade aqui dentro até me acostumar com essas paredes aqui estranhas do meu quarto. Durante um tempo eu vou sentir falta dele aqui comendo a lasanha do meu pai que ele gostava tanto. Durante um tempo eu vou sentir falta de nós dois e como ele veio na hora certa pra me tirar daquele abismo que eu tava. Durante um tempo eu vou sentir falta de nós dois. Mas eu preciso desse momento. As  vezes eu vou chorar tanto que vai me dar dor de cabeça e eu vou acabar dormindo. As vezes eu vou ver um filme de um casalsinho fofo e vou chorar na parte que eles se beijam por que vou lembrar da gente. As vezes eu vou chorar ouvindo aquela música por que os nossos momentos vão passar como um filme na minha cabeça. As vezes eu vou cavucar algumas fotos antigas e vou lembrar do nosso começo, então eu vou chorar por que não tenho mais as mensagens dele dizendo eu me amava.  Mas um dia essa dor  vai passar. E isso é normal moça, por que quem ama, sente quando vai embora. Seria estranho se eu não sentisse, ai você poderia dizer que eu não o amava. Eu sei que pra você parece besteira e que eu gosto de sofrer, de me machucar por coisa do passado, mas é o meu passado, e eu preciso viver um pouco ele pra depois poder ir pro meu presente e pro meu futuro mais calma. Eu sinto. E eu preciso sentir. Eu preciso dessa fase. Pra depois poder encerrar esse livro, pra poder partir pra um livro novo, com ou sem um alguém nele, mas um livro meu, um livro novo. Preu poder me renovar e ir viver a minha vida. Eu sei moça, eu sei que aconteceu muita coisa e que algumas me machucaram bastante. Mas mesmo assim eu não quero o mal dele não moça, por que se ele sofrer, eu sei que eu vou sofrer também. Eu quero que ele seja feliz. Que ele cuide dele. E eu vou cuidar de mim … É só uma fase, eu sei. Sei também que ela dói, e vai doer. Mas eu preciso dela, pra poder ir pra fase seguinte sem ficar nenhuma lacuna em branco.